Return to Video

12-27 Create an Object

  • 0:01 - 0:02
    No último vídeo,
    eu falei rapidamente
  • 0:02 - 0:05
    que um construtor
    é definido dentro da classe,
  • 0:05 - 0:07
    e é usado para criar
    as instâncias de objetos.
  • 0:08 - 0:11
    Então, chamamos o construtor
    TextView para criar essa instância,
  • 0:11 - 0:13
    e o chamamos de novo
    para criar outra instância,
  • 0:13 - 0:14
    e assim por diante.
  • 0:14 - 0:17
    Vamos ver o código para
    como chamar um construtor.
  • 0:18 - 0:21
    Lembra de como criamos uma
    nova varável inteira
  • 0:21 - 0:24
    chamada quantity, e a ajustamos
    para um valor inicial de dois?
  • 0:25 - 0:27
    A criação de um novo objeto
    e seu armazenamento
  • 0:27 - 0:29
    dentro de uma variável
    vai seguir um formato parecido.
  • 0:30 - 0:31
    Vai ser mais ou menos assim.
  • 0:32 - 0:35
    Só que em vez do int data type,
    temos um object data type.
  • 0:36 - 0:39
    O object data type
    é o nome que damos à classe.
  • 0:40 - 0:41
    Neste caso, será TextView.
  • 0:41 - 0:43
    Pode ser qualquer coisa,
  • 0:43 - 0:45
    desde que siga as convenções
    para nomes de variáveis.
  • 0:46 - 0:47
    Então, o chamaremos
    de priceTextView.
  • 0:47 - 0:50
    Então o ajustamos para
    equivaler ao novo objeto.
  • 0:50 - 0:52
    Mas podemos subdividir
    o lado direito ainda mais.
  • 0:52 - 0:55
    O lado direito segue o formato
  • 0:55 - 0:58
    de new seguido
    pelo object data type,
  • 0:58 - 0:59
    que neste caso é o TextView.
  • 1:00 - 1:03
    Isto chama o construtor
    definido em uma classe TextView
  • 1:03 - 1:05
    para que tenhamos parênteses
  • 1:05 - 1:07
    com os argumentos de entrada
    para o construtor.
  • 1:08 - 1:10
    Então, se o construtor
    requer um context object,
  • 1:11 - 1:13
    temos que passar um context aqui.
  • 1:13 - 1:16
    Lembre que o context object
    lhe ajuda a acessar
  • 1:16 - 1:20
    os recursos do aplicativo e outras coisas
    sobre o ambiente do aplicativo.
  • 1:21 - 1:24
    Então, é assim que é criado
    um novo objeto TextView,
  • 1:24 - 1:25
    chamando o construtor,
  • 1:26 - 1:29
    e então armazenando este novo object
    dentro de uma variável,
  • 1:29 - 1:30
    chamada priceTextView.
  • 1:31 - 1:34
    E essa variável só pode conter
    um único objeto TextView,
  • 1:34 - 1:36
    como definido pelo data type.
  • 1:37 - 1:40
    Vejamos outro exemplo
    de como criar um objeto ImageView
  • 1:40 - 1:41
    e armazená-lo
    dentro de uma variável.
  • 1:42 - 1:45
    O data type é ImageView,
    a variável se chama coffeeImageView.
  • 1:46 - 1:49
    E temos o operador de atribuição
    seguido por newImageView.
  • 1:50 - 1:53
    Isso é soletrado do mesmo modo
    que o object data type aqui.
  • 1:54 - 1:57
    Como estamos chamando o construtor
    e temos que passar qualquer entrada,
  • 1:57 - 2:00
    temos parênteses e então
    colocamos as entradas lá.
  • 2:00 - 2:03
    Veja um terceiro exemplo
    que cria um button object
  • 2:03 - 2:05
    e o armazena nesta variável.
  • 2:06 - 2:08
    O tipo de dados é Button,
    o nome da variável
  • 2:08 - 2:10
    é submitOrderButton,
    e então dizemos,
  • 2:10 - 2:12
    newButton
    para chamar o construtor.
  • 2:13 - 2:15
    Você pode até definir
    seu próprio object data type.
  • 2:16 - 2:18
    Digamos, por exemplo,
    que criei uma definição de classe
  • 2:18 - 2:19
    para CatView.
  • 2:20 - 2:22
    Então eu poderia usar esta linha
    para criar um novo CatView.
  • 2:23 - 2:25
    Neste caso, o construtor
    requer uma sequência de caracteres
  • 2:25 - 2:27
    para o nome do cat,
  • 2:27 - 2:29
    então é por isso que coloquei
    tiger entre parênteses
  • 2:29 - 2:31
    e passei isso para
    o construtor CatView.
  • 2:32 - 2:35
    Para determinar o que passar
    como entrada a esses construtores
  • 2:35 - 2:38
    você precisa olhar ou
    para o arquivo,
  • 2:38 - 2:40
    da classe Javadoc,
  • 2:40 - 2:41
    ou para o arquivo da classe de origem.
  • 2:41 - 2:45
    Todos esses casos usam a palavra new
    para criar um novo object.
  • 2:45 - 2:47
    Se voltarmos à lista
    de palavras-chave Java,
  • 2:48 - 2:51
    então encontramos que
    a palavra new está nessa lista.
  • 2:52 - 2:54
    Às vezes quando você está
    olhando para a documentação,
  • 2:54 - 2:57
    ela pode lhe aconselhar a usar
    um factory method
  • 2:57 - 2:58
    para criar um objeto.
  • 2:59 - 3:01
    Isto é, em vez de um construtor.
  • 3:01 - 3:02
    Veja um exemplo,
  • 3:02 - 3:04
    Para criar um novo MediaPlayer,
  • 3:04 - 3:08
    a documentação lhe aconselha
    a usar o method MediaPlayer.create
  • 3:09 - 3:11
    E isso devolve
    um MediaPlayer object
  • 3:11 - 3:13
    que pode ser armazenado
    dentro dessa variável.
  • 3:13 - 3:16
    Ele segue o formato
    do object data type,
  • 3:16 - 3:19
    o MediaPlayer com M maiúsculo,
    ponto,
  • 3:19 - 3:22
    e o factory method name,
    que é create neste caso.
  • 3:23 - 3:26
    E aí você passa os argumentos de entrada,
    para inicializar o MediaPlayer.
  • 3:27 - 3:30
    Este é outro exemplo
    de como criar um Toast.
  • 3:30 - 3:32
    Um toast é uma mensagem
  • 3:32 - 3:34
    que aparece temporariamente
    no seu aplicativo,
  • 3:34 - 3:35
    depois desaparece.
  • 3:35 - 3:38
    O código começa com Toast,
    com T maiúsculo,
  • 3:38 - 3:40
    porque este é um
    object data type.
  • 3:40 - 3:43
    E então tempo um ponto
    e depois makeText,
  • 3:43 - 3:44
    que é o factory method name.
  • 3:45 - 3:48
    Então passamos os argumentos de entrada
    para criar esse Toast.
  • 3:49 - 3:51
    Para saber qual é
    o factory method name
  • 3:51 - 3:52
    e quais são os argumentos
    de entrada,
  • 3:52 - 3:55
    você precisa checar a documentação
    para a classe Toast.
  • 3:55 - 3:58
    Geralmente, para saber se você
    deveria criar um object
  • 3:58 - 4:00
    usando um construtor
    ou um factory method,
  • 4:00 - 4:03
    você pode buscar no Google
    como criar esse object.
  • 4:03 - 4:06
    Usar um construtor é a forma
    mais comum de criar um novo object.
  • 4:07 - 4:09
    É menos comum do que
    usar um factory method,
  • 4:09 - 4:12
    mas para ter certeza
    de qual você deveria usar,
  • 4:12 - 4:14
    você pode buscar no Google
    sobre como criar esse object.
  • 4:15 - 4:17
    Essa é uma chance de praticar
    com a criação de objects.
  • 4:18 - 4:20
    Em cada uma dessas linhas de código,
    existe um erro.
  • 4:21 - 4:22
    Descubra qual é o erro,
  • 4:22 - 4:25
    e então escreva a linha correta de código
    nos espaços abaixo.
タイトル:
12-27 Create an Object
概説:

more » « less
Video Language:
English
Team:
Udacity
プロジェクト:
UD837 - Android for Beginners
Duration:
04:27

Portuguese, Brazilian subtitles

改訂 Compare revisions