YouTube

Got a YouTube account?

New: enable viewer-created translations and captions on your YouTube channel!

Portuguese subtitles

← Chris Ware: Someone I'm Not | Art21 "Extended Play"'

Get Embed Code
18 Languages

Showing Revision 1 created 06/04/2018 by Matilde Freitas.

  1. [Art21 "Extended Play"]
  2. Eu sou obviamente muito nervoso,
    e estava a criar uma personagem feminina
  3. apartir das suas memórias e histórias.
  4. Escrever do ponto de vista
    de alguém diferente de mim,
  5. foi uma experiência...
  6. ... sem dúvida cheia de perigos.
    [RISOS]
  7. ["Chris Ware: Alguém Diferente De Mim"]
  8. Quando estive a estudar artes,
  9. foi me dito que não podia
    desenhar mulheres.
  10. O que elimina imediatamente
    metade da humanidade.
  11. Eu lembro-me claramente
    de um professor me dizer:
  12. "Se desenhas mulheres,
    aproprias-te delas com os teus olhos"
  13. Quando desenhas mulheres,
  14. não manténs depois uma ligação com essa
    experiência que apenas tu tiveste?
  15. Ou tentas expandir a tua compreensão
    e empatia pelos outros seres humanos?
  16. Enquanto escritor branco,
    como é que eu posso sequer
  17. pensar em escrever
    do ponto de vista de outra pessoa.
  18. O que estou a tentar desenhar aqui
    é uma mulher
  19. a afastar gentilmente
    o cabelo do seu olho,
  20. mas parece que ela
    têm uma dor de cabeça...
  21. Joanne Cole age de forma estranha
    para outras mulheres jovens
  22. porque acha que é possível
  23. que ela esteja ligada a essa jovem
  24. porque está perdida nas suas
    memórias e pensamentos -
  25. Mas isso ainda não está claro
    para o leitor.
  26. Então eu estou a tentar equilibrar
    um conjunto de emoções.
  27. Estou a tentar que pareça autêntico
  28. e não apenas coisas sem sentido-
    ou mal feitas.
  29. Esta personagem em específico
    é uma professora primária afro-americana
  30. que está a dar aulas numa escola privada
    nos anos 60 e 70.
  31. Espero estar a dar atenção
    aos detalhes complexos
  32. que uma situação pouco
    comum implica.
  33. Eu duvido muito de mim mesmo
    quando escrevo uma história assim
  34. Estou a fazer a coisa correta?
  35. Estou a fazer a coisa errada?
  36. É sobre empatia?
  37. Estou a introduzir elementos
    que não percebo?
  38. Et cetera.
  39. É uma questão complicada
    enquanto escritor.
  40. [WARE]
    - Obrigada pelo jantar.
  41. [MARNIE WARE]
    - De nada.
  42. [RISOS]
  43. [CLARA WARE]
    --Plop!
  44. [CHRIS WARE]
    --Plop!
  45. Muitos dos meus professores tentaram
    que eu e os meus colegas encontrássemos
  46. a coisa que mais nos interessava
    e então escrevessemos sobre isso.
  47. Eu nunca quis fazer isso.
  48. Eu queria poder escrever sobre tudo -
  49. e qualquer coisa -
    porque a vida é assim.
  50. [RISOS]
  51. Eu não faço ideia como é que eu
    pareço a mastigar,
  52. mas aposto que também não quero saber.
  53. Cabe-me a mim como artista decidir
  54. Quanto é que eu quero tentar sentir
    através de outra pessoa
  55. sem que seja, no entanto,
  56. uma sentimentalização ou falsificação.
  57. Eu tenho de tentar superar os meus limites
    e a minha compreensão sobre
  58. como sentir através de outros
    naquilo que faço.
  59. E arriscamos nos a falhar miseravelmente
    ao fazê-lo
  60. Mas é um risco que temos de correr.
  61. A arte é sobre
    tentar perceber
  62. se aquilo que tu estás a sentir
    é o mesmo que eu estou a sentir.