Return to Video

Sinais para uma boa educação

  • 0:00 - 0:03
    [Professora] Meu nome?
  • 0:03 - 0:04
    Bom!
  • 0:04 - 0:05
    E o seu?
  • 0:05 - 0:07
    Sim! Anne, Anne, bom!
  • 0:07 - 0:08
    Meu nome?
  • 0:08 - 0:09
    [Menina gesticulando] Miriam.
  • 0:09 - 0:10
    [Professora] Bom! Bom, bom.
  • 0:10 - 0:11
    E o seu?
  • 0:12 - 0:14
    Qual seu nome? Uh, uh, você não é Anne.
  • 0:14 - 0:17
    Meu nome? Hmm... O seu, o seu, o seu.
  • 0:17 - 0:19
    [Menino] O seu, o seu, o seu.
  • 0:19 - 0:22
    [Professora] Hmm. Qual o nome dela?
  • 0:22 - 0:23
    [Menina gesticulando] "Bonita"
  • 0:23 - 0:25
    [Professora] Sim, bonita.
  • 0:25 - 0:29
    Ela é muito boa em entender a língua dos sinais.
  • 0:29 - 0:34
    É muito importante porque agora ela pode se comunicar com outras pessoas.
  • 0:34 - 0:38
    Quando ela estava em casa, ela não estava aprendendo a língua dos sinais.
  • 0:38 - 0:42
    Você está feliz, feliz, feliz, feliz, feliz?
  • 0:42 - 0:45
    [Professora] Sim, feliz, feliz, feliz, feliz. [Criança gesticulando] Eu estou feliz de estar na escola.
  • 0:45 - 0:47
    [Professora falando e criança gesticulando] Verdade.
  • 0:47 - 0:51
    Todo dia... você... vem... escola.
  • 0:51 - 0:52
    Sim.
  • 0:52 - 0:57
    [Sinais e interpretação] Essas crianças de 6 anos estão tão felizes de finalmente
  • 0:57 - 0:59
    poderem se expressar e se comunicar com os outros.
  • 0:59 - 1:04
    É só aprendendo a língua dos sinais que as crianças surdas podem se comunicar por completo.
  • 1:04 - 1:11
    Hoje, o direito à educação é muitas vezes negado às crianças surdas e jovens no mundo todo.
  • 1:11 - 1:15
    Isso ocorre pela falta de professores bem treinados na língua dos sinais e,
  • 1:15 - 1:20
    pela falta de conhecimento dos pais que seus filhos podem e têm o direito de ir à escola.
  • 1:23 - 1:29
    A língua dos sinais é obrigatória para as pessoas surdas poderem aprender.
  • 1:30 - 1:34
    É a língua materna que os ajuda a se comunicarem com os outros.
  • 1:34 - 1:38
    Sem ela, não há comunicação.
  • 1:38 - 1:41
    E sem comunicação, você não transmite conhecimento.
  • 1:41 - 1:46
    Aqui nós devemos aprender sobre os europeus que vieram para a África Oriental...
  • 1:46 - 1:50
    Por que os europeus vieram para o Kenya?
  • 1:50 - 1:51
    Lucy?
  • 1:51 - 1:55
    [Gesticulando] Para conseguir terra.
  • 1:55 - 1:58
    [Professora] Ok, você pode dizer para ganhar a terra.
  • 1:58 - 2:00
    Outro motivo?
  • 2:00 - 2:03
    [Gesticulando] Eles vieram para fazer comércio. [Professora]. Eles vieram para fazer comércio. Está certo.
  • 2:03 - 2:06
    Uh uhu. Mais algum?
  • 2:06 - 2:08
    [Gesticulando] Razões econômicas.
  • 2:08 - 2:09
    [Professora] A razão econômica é similar ao comércio...
  • 2:09 - 2:16
    por isso eles vieram para fazer comércio, ok?
  • 2:16 - 2:18
    Bem entendido.
  • 2:18 - 2:22
    Os surdos podem aprender qualquer coisa,
  • 2:22 - 2:29
    mas para isso, eles precisam de pessoas que se comuniquem muito bem com eles.
  • 2:29 - 2:32
    Pessoas que saibam a língua dos sinais.
  • 2:32 - 2:36
    Pessoas que entendam como eles reagem.
  • 2:36 - 2:39
    Você olha o rosto deles, como eles estão se comunicando,
  • 2:39 - 2:40
    o corpo deles.
  • 2:40 - 2:47
    Os professores daqui ensinam muito bem e eu entendo.
  • 2:47 - 2:51
    [Elizabeth Gituku] É muito importante que nós tenhamos oportunidades de aprendizado,
  • 2:51 - 2:55
    para que eles também possam ter carreiras
  • 2:55 - 2:59
    que os farão viver por conta própria, que os tornarão independentes
  • 2:59 - 3:02
    e capazes de ajudar suas famílias.
  • 3:02 - 3:04
    [Sinais e interpretação] Eu desejo me tornar uma professora,
  • 3:04 - 3:11
    para ensinar crianças pequenas no primário.
  • 3:11 - 3:14
    [Sinais e interpretação] Eu gostaria de ser um farmacêutico.
  • 3:14 - 3:20
    [Sinais e interpretação] Eu gostaria de ser um médico ou um advogado.
  • 3:20 - 3:27
    A maioria dos colegas, mais de 90%, não fornecem apoio aos surdos.
  • 3:27 - 3:32
    [Sinais e interpretação] Por exemplo, eu tive que me esforçar muito para ser contada.
  • 3:32 - 3:37
    Eu ia bem em matemática, mas nenhum colega me aceitava.
  • 3:37 - 3:43
    [Sinais e interpretação] Então, se eu vou para a universidade e descubro que não há interprete,
  • 3:43 - 3:46
    eu vou procurar alguém que possa me ajudar,
  • 3:46 - 3:56
    porque é difícil para mim entender o que está acontecendo, sem um intérprete
  • 3:56 - 3:59
  • 3:59 - 4:10
  • 4:10 - 4:17
  • 4:17 - 4:20
  • 4:20 - 4:30
  • 4:30 - 4:34
  • 4:34 - 4:43
  • 4:43 - 4:46
  • 4:51 - 5:00
  • 5:03 - 5:07
  • 5:07 - 5:08
  • 5:08 - 5:13
  • 5:13 - 5:16
  • 5:16 - 5:27
Title:
Sinais para uma boa educação
Description:

(Sydney, October 18, 2013) -- Deaf children have a right to a quality education, like all other children, in a language and environment that maximizes their potential. In this video, in conjunction with a global conference in Sydney on equality for deaf people, Human Rights Watch shows some of the challenges faced by deaf children and young people, and the opportunities sign language education offers them.

For more information: http://www.hrw.org/news/2013/10/17/offer-deaf-children-education-sign-language

more » « less
Video Language:
English
Team:
Captions Requested
Duration:
05:40

Portuguese, Brazilian subtitles

Revisions Compare revisions