YouTube

Teniu un compte YouTube?

New: enable viewer-created translations and captions on your YouTube channel!

Portuguese, Brazilian subtítols

← O mito da caixa de Pandora

Obtén el codi d'incrustació
30 llengües

Showing Revision 8 created 01/17/2019 by Maricene Crus.

  1. Curiosidade:

  2. bênção ou maldição?
  3. A natureza paradoxal desse traço
    foi personificada pelos gregos antigos
  4. na figura mítica de Pandora.
  5. Segundo a lenda,
  6. ela foi a primeira mortal
  7. cuja curiosidade muito intensa determinou
    uma série de eventos bombásticos.
  8. Pandora foi criada
    por Hefesto, deus do fogo,

  9. que conseguiu a ajuda de companheiros
    divinos para torná-la extraordinária.
  10. De Afrodite, ela recebeu a capacidade
    para a emoção profunda;
  11. de Hermes, ganhou o domínio
    sobre a linguagem.
  12. Atena deu o dom do bom artesanato
    e a atenção a detalhes,
  13. e Hermes deu a ela seu nome.
  14. Finalmente, Zeus entregou
    dois presentes a Pandora.

  15. O primeiro foi o traço da curiosidade,
  16. que se instalou no espírito dela
    e a enviou ansiosamente para o mundo.
  17. O segundo foi uma caixa pesada,
    com adornos curvos,
  18. bem fechada com parafusos.
  19. Mas o conteúdo, disse Zeus a ela,
    não era para olhos mortais.
  20. Ela não deveria abrir a caixa
    em circunstância alguma.
  21. Na Terra, Pandora conheceu Epimeteu
    e apaixonou-se por ele,

  22. um titã talentoso que recebeu de Zeus
    a tarefa de projetar o mundo natural.
  23. Ele trabalhou junto com o irmão Prometeu,
  24. que criou os primeiros humanos,
  25. mas foi punido eternamente
    por dar a eles o fogo.
  26. Epimeteu sentia a falta do irmão
    desesperadamente,
  27. mas, em Pandora, encontrou outra alma
    de coração ardente como companhia.
  28. Pandora transbordava de emoção
    na vida na Terra.

  29. Também se distraía facilmente
    e podia ser impaciente,
  30. devido a sua sede de conhecimento
    e seu desejo de questionar os arredores.
  31. Muitas vezes, sua mente vagava
    para o conteúdo da caixa lacrada.
  32. Que tesouro era tão grande que nunca
    poderia ser visto por olhos humanos,
  33. e por que estava sob os cuidados dela?
  34. Seus dedos coçavam para forçá-la a abrir.
  35. Às vezes, ela ficava convencida
    de que ouvia vozes sussurrando
  36. e o conteúdo tremulando por dentro,
    como se estivesse forçando para sair.
  37. O enigma da caixa tornou-se enlouquecedor.
  38. Com o tempo, Pandora tornou-se
    cada vez mais obcecada com a caixa.

  39. Parecia haver uma força além de seu
    controle, que a atraía para o conteúdo,
  40. que ecoava seu nome cada vez mais alto.
  41. Um dia, ela não aguentou mais.
  42. Deixando Epimiteu sem ser notada,
  43. olhou fixamente para a caixa intrigante.
  44. Ela daria uma olhada rápida dentro,
  45. e depois conseguiria livrar sua mente
    da caixa para sempre.
  46. Mas, no primeiro estalo da tampa,
    a caixa se abriu bruscamente.

  47. Criaturas monstruosas e sons horríveis
    saíram às pressas numa nuvem de fumaça

  48. e giraram em torno dela,
    guinchando e gargalhando.
  49. Aterrorizada,
  50. Pandora agarrou o ar desesperadamente
    para mandá-los de volta à caixa.
  51. Mas as criaturas surgiam violentamente
    em uma nuvem horrível.
  52. Ela sentiu uma onda de mau pressentimento
    quando elas foram embora.
  53. Zeus usou a caixa como um abrigo
  54. para todas as forças do mal
    e do sofrimento que ele havia criado
  55. e que, uma vez liberadas,
    não podiam ser contidas.
  56. Enquanto chorava,

  57. Pandora percebeu um som
    ecoando de dentro da caixa.
  58. Não era o estranho sussurro dos demônios,
  59. mas um leve tilintar que parecia
    aliviar sua angústia.
  60. Quando levantou a tampa
    mais uma vez e olhou para dentro,
  61. um raio de luz quente
    se levantou e se afastou.
  62. Enquanto observava a luz tremulando
    após o mal que ela havia desencadeado,

  63. a dor de Pandora foi aliviada.
  64. Ela sabia que abrir a caixa
    era irreversível,
  65. mas, junto ao conflito, ela anunciou
    a esperança para moderar seus efeitos.
  66. Hoje, a Caixa de Pandora sugere
    as consequências extremas

  67. de intrometer-se com o desconhecido,
  68. mas a curiosidade ardente de Pandora
    também sugere a dualidade
  69. no coração da indagação humana.
  70. Será que estamos aptos a investigar
    tudo o que não conhecemos,
  71. a explorar o planeta
    para mais descobertas,
  72. ou será melhor deixarmos
    alguns mistérios sem solução?